A importância dos estudos sobre a sexualidade na formação docente.

  • Fábio Kravec Gonçalves Unicentro
  • Edilene Hatschbach Graupmann SEED - Paraná
Palavras-chave: Sexualidade, Educação, Sexualidade e Educação, Formação Docente

Resumo

A presente pesquisa busca compreender a necessidade dos estudos sobre a sexualidade humana na formação docente, visto que a Educação como processo formativo busca o desenvolvimento integral do sujeito (físico, social, intelectual, emocional e simbólico) e neste contexto a sexualidade não pode ser negligenciada na prática de estudos e ensino. Partindo da busca bibliográfica para realização do trabalho, evidenciou-se que a sexualidade é um conceito amplo sobre processos humanos no decorrer da história e tem um conjunto de significados a partir de construções sociais, envolvendo diversas ramificações e objetos de estudo, citando gênero, identidade, sexo, desenvolvimento biológico, sujeito e até questões relacionadas ao poder. Alguns autores são importantes nos estudos sobre a sexualidade, como Foucault, que escreve sobre o homem ser reconhecido como sujeito a partir de sua sexualidade e Freud, que estudou teorias sobre o desenvolvimento infantil e sexualidade, apresentando como as vivências sexuais estão presentes desde o início da vida até o seu fim.  Há muitos outros pesquisadores na área, que vinculam o tema à Educação e este é o foco principal da pesquisa. A escola tem uma linguagem plural e um dos pontos necessários para que os professores estejam preparados para trabalhar com assuntos relacionados à sexualidade na instituição é deixar pré-conceitos e estar aberto para as dúvidas de alunos e pronto para mediar discussões formativas. Na graduação, é necessário ter uma base sobre o desenvolvimento humano e entender as questões da sexualidade, visando a preparação da práxis que leve ao conhecimento amplo dos alunos, isto desde a Educação Infantil, passando pelos anos iniciais e até a adolescência e o período da puberdade, que tem características fortes de desenvolvimento sexual. Para completar a pesquisa, um questionário foi enviado para graduados em diversas licenciaturas para que respondessem a respeito dos estudos da sexualidade na formação docente. Portanto, percebe-se necessária a formação dos professores para a temática abordada.

Biografia do Autor

Edilene Hatschbach Graupmann, SEED - Paraná

Mestre em Educação UNC – Unicamp. Professora da Educação Básica. SEED Paraná.

Publicado
2021-06-28