A TEORIA DA PERDA DE UMA CHANCE APLICADA PELOS TRIBUNAIS BRASILEIROS NOS CASOS DE RESPONSABILIDADE CIVIL DO ADVOGADO

  • João Vitor Passuello Smaniotto Centro Universitário Vale do Iguaçu
  • Dener Leonardo Choinacki
Palavras-chave: Responsabilidade Civil, Advogado, Perda de uma chance

Resumo

O presente artigo consiste em verificar se a teoria da perda de uma chance é passível de ser aplicada nos casos de responsabilidade civil por parte do advogado levando em consideração os julgados proferidos pelos tribunais pátrios. Para tanto, em um primeiro momento far-se-á uma breve apresentação da teoria da perda de uma chance, após, será tratado especificamente da responsabilidade civil do advogado, com a posterior análise da aplicabilidade da perda de uma chance pelos tribunais brasileiros nos casos em que este ocasiona algum dano a seu cliente em razão de sua desídia profissional. O método adotado é o dedutivo, partindo da relação entre a doutrina, a legislação pertinente e, posteriormente, a jurisprudência no que se refere à aplicabilidade da teoria da perda de uma chance nas questões que envolvem a responsabilidade civil por parte do advogado.

Publicado
2021-12-07
Seção
Artigos