O COACHING COMO PROCESSO AUXILIAR DE INTEGRAÇÃO ENTRE DOCENTES E DISCENTES NA COMPREENSÃO CURRICULAR DE DISCIPLINAS NO ENSINO SUPERIOR

  • LEONEL DE CASTRO FILHO UNIGUAÇU
Palavras-chave: Coaching. Educação Superior., Performance docente. Relação Docente e Discente.

Resumo

O coaching é, elementarmente, o processo que auxiliará no encaminhamento de diretrizes que se tornem alvos de melhoria da performance. Nesse ponto faz-se uma discriminação inevitável: o coaching para docentes é o que fomenta uma análise de relações além da docência em sala de aula. As ferramentas e o método devem ser pautados com fulcro na realidade do ensino e com o professor tendo como objetivo auto analisar sua postura em aula – contendo: questões de fala, de argumentação e de gestos, num plano que não configure somente a análise da oratória, mas planejamento de vida profissional e relacionamentos interpessoais favoráveis. Os elementos-chave do processo de coaching são: foco, ação, sentimento/sensação, evolução contínua e resultados e foco na evolução de desempenho pessoal/profissional para atingir seu propósito. A metodologia de pesquisa para a consecução de um artigo que traga pistas para o que até agora foi apresentado FOI através do método fenomenológico, com pesquisa aplicada, cuja sondagem ocorreu entre docentes, investigando-se, basicamente: exercício pessoal de reflexão; sensibilização e posterior conscientização; autarquia (autogestão) e foco; ato seguinte houve a tabulação de resultados e organização do referencial teórico, finalizando com a divulgação dos resultados.

Publicado
2020-08-16