O envolvimento do ser humano com a tecnologia em pleno século XXI produz um processo reflexivo centrado, especialmente, no desenvolvimento da sociedade. Porém, esse desenvolvimento deverá ser repensando tendo como base os conhecimentos que a própria sociedade constitui com o passar do tempo, para que, desta forma, possibilidades de discussões que envolvam, de forma efetiva, os problemas e anseios apresentados pelo sujeito possam ser desenvolvidas para que ocorra o crescimento social, bem como as localidades que são transformadas com o passar dos tempos.

Assim, pensar em tecnologia também é (re)pensar as práticas que são realizadas no meio social, trazendo para o rol de discussões científica-acadêmicas questões que envolvem a produtividade, principalmente a que está relacionada com as Ciências da Terra, já que o nosso futuro depende do conhecimento de práticas agronômicas que condigam com a evolução e desenvolvimento da própria sociedade, a qual modifica e (des)organiza o meio em que vive.

O crescimento de meios de divulgação científica-acadêmica no Brasil tem se apresentado como um ponto favorável à discussão que aqui apresentamos.

Por esse motivo, desenvolvemos a Revista Interdisciplinar de Tecnologia e Ciências da Terra, “Innovatio”, unindo os campos das engenharias, em prol do desenvolvimento do conhecimento. A Revista publicará textos em língua portuguesa, inglesa e espanhola de pesquisadores brasileiros e estrangeiros, por meio de publicações de volumes semestrais e números anuais.