ANÁLISE COMPARATIVA DOS RESULTADOS HIPERTRÓFICOS ENTRE OS MÉTODOS DE TREINO FASCIA STRETCH TRAINING SEVEN (FST-7) E GERMAN VOLUME TRAINING (GVT)

  • Rafael Gemin Vidal Centro Universitário Vale do Iguaçu
  • Camila Aparecida Ribeiro
  • Luciano Vozniak
Palavras-chave: Métodos de treino. FST-7. GVT. Hipertrofia.

Resumo

O presente estudo teve como objetivo investigar os efeitos dos métodos de treinamento resistido, Fascia Stretch Training (FST-7) e German Volume Training (GVT), sobre as variáveis antropométricas que indicam hipertrofia muscular. Trata-se de uma pesquisa aplicada, de abordagem quantitativa, de campo e descritiva. Participaram do estudo dois indivíduos do sexo masculino (17±1 anos) experientes no treinamento resistido. O programa de treinamento teve duração de cinco semanas e um total de 25 sessões. Foram analisados o peso corporal, circunferências, dobras cutâneas, percentual de gordura, índice de massa corporal e distribuição da massa corporal. Os resultados encontrados apontam que o método FST-7 produziu efeitos positivos nos aspectos hipertróficos. No presente estudo o método GVT não apresentou aumento da massa muscular.

Publicado
2020-09-24