AVALIAÇÃO DA EFICÁCIA IN VITRO DO CREME VAGINAL COM ÓLEO DE MELALEUCA FRENTE À Candida albicans

  • Silvana Harumi watanabe Centro universitario uniguaçu
  • Elaine Ferreira
  • Claúdia Christie POCZAPSKI

Resumo

A candidíase vulvovaginal é uma patologia extremamente comum, acometendo quase todas as mulheres ao menos uma vez na vida. A frequência no número de infecções por Candida albicans em mulheres aumentou, juntamente com a utilização indiscriminada de antifúngicos padrões. Isso fez com que houvesse o desenvolvimento de resistência à eles. Por consequência de alguns fungos terem adquirido essa resistência a certos medicamentos, o uso de plantas medicinais são uma alternativa na terapia. Vários estudos in vitro demonstram que o óleo de melaleuca é eficaz e seguro no tratamento de candidíase vulvovaginal. Uma das formas de tratamento da candidíase é por creme vaginal, muito utilizados em infecções deste gênero. No presente trabalho preparou-se um creme vaginal conforme o Formulário Nacional da Farmacopéia Brasileira, e por conseguinte o óleo de Melaleuca alternifolia foi incorporado em diferentes concentrações para a realização da verificação da eficácia frente à Candida albicans. Estipulou-se concentrações de 1%, 2,5%, 5%, 7,5% e 10%. Para a verificação da eficácia do creme preparado, foi realizado um antifungigrama em duas técnicas distintas: a técnica de difusão em discos e a técnica de difusão em poços. Nesta primeira técnica não obteve-se resultado satisfatório, já a técnica de difusão em poços apresentou-se mais sensível. Porém, não pode-se afirmar que o creme vaginal apresentou inibição deste microrganismo, já que o resultado obtido pode ter sido falso-positivo devido a solução conservante do creme base. Para o teste de estabilidade farmacêutica, fez-se testes de estabilidade físico-química (pH) e características organolépticas. O teste de estabilidade físico-química não apresentou resultados positivos devido sua oscilação. As análises organolépticas apontaram alterações não significativas.

Publicado
2019-07-30